Tag Archives: baixo risco

EuroPCR 2021 | Registro TVT: resultados do TAVI em bicúspides de baixo risco cirúrgico

EuroPCR 2021 | Registro TVT: resultados do TAVI em bicúspides de baixo risco cirúrgico

Em pacientes com estenose aórtica de anatomia bicúspide e baixo risco cirúrgico, o implante percutâneo da valva aórtica (TAVI) com a válvula balão-expansível oferece resultados comparáveis aos dos pacientes com anatomia normal.  Esses dados surgem do registro TVT e foram apresentados durante as sessões científicas do EuroPCR 2021.  A taxa de AVC e morte (intra-hospitalar,

Evolut Low Risk

EuroPCR 2021 | Evolut Low Risk: resultados em 2 anos da válvula autoexpansível em baixo risco

O implante percutâneo da valva aórtica (TAVI) com a válvula autoexpansível Evolut teve um resultado não inferior à cirurgia em pacientes de baixo risco cirúrgico. O desfecho primário de morte ou AVC incapacitante foi similar entre ambas as estratégias em 2 anos.  Esta apresentação feita no EuroPCR 2021 vem consolidar os resultados surgidos durante o

Tasa de stroke post cirugía vs angioplastia coronaria en un análisis de más de 10.000 pacientes

A queixa dos cirurgiões em estenose aórtica de baixo risco

Estudos recentes que incluíram pacientes de baixo risco mostraram resultados positivos a favor do implante percutâneo da valva aórtica (TAVI) em comparação com a cirurgia.  Os cirurgiões argumentam, no entanto, que esses casos não representam os pacientes da prática clínica diária, mas sim um grupo cuidadosamente escolhido para ser incluído nos estudos randomizados.  Os pacientes

Seguridad de combinar los nuevos anticoagulantes y la doble antiagregación

AAS vs. Warfarina em TAVI de baixo risco

Ainda estamos discutindo o regime antitrombótico adequando após o implante percutâneo da valva aórtica (TAVI). A isso se soma o enorme espectro de pacientes que estamos tratando, desde os de baixo risco até aqueles descartados de cirurgia.  E resta ainda um ponto importante: os engrossamentos hipoatenuados diagnosticados por tomografia. Não sabemos que impacto têm a

Engrosamiento e inmovilidad de las valvas en el Evolut Low Risk

Engrossamento e imobilidade das válvulas no Evolut Low Risk

O engrossamento e imobilidade das válvulas causados pela trombose têm sido relatados em relação às válvulas biológicas, tanto cirúrgicas quanto por cateter.  Tal fenômeno é diagnosticado pela hipoatenuação, engrossamento e falta de mobilidade observados na tomografia.  A incidência e principalmente as implicações clínicas de dito fenômeno não estão claras, mas são de grande interesse, especialmente

Mais evidência para tratar próteses biológicas disfuncionais com a prótese balão expansível

Europa aprova a válvula balão-expansível em baixo risco, a autoexpansível ainda espera

A válvula balão-expansível conseguiu sua aprovação na Europa para tratar o espectro completo de risco de pacientes com estenose aórtica severa sintomática.  Conforme informação dos últimos dias da Edward Lifesciences, a Europa expandiu a indicação do sistema Sapien 3 para seu uso em pacientes de baixo risco. A Sapien 3, que inclui a seguinte geração

Metanálise dos grandes estudos sobre TAVI em baixo risco: a evidência é consistente

Esta metanálise que incluiu os 4 grandes estudos randomizados sobre TAVI vs. cirurgia em pacientes de baixo risco foi publicado recentemente no JACC e mostrou que o implante percutâneo se associa de maneira significativa a uma menor mortalidade que a cirurgia em seguimento de um ano.  Estes resultados respaldam ainda mais a evidência de que

Incidência, características e tratamento da trombose valvar pós-TAVI

TAVI em baixo risco em voga em várias publicações

O implante percutâneo da valva aórtica em pacientes de baixo risco com estenose aórtica severa sintomática parece seguro após um ano. No seguimento tomográfico pôde-se observar somente uma minoria com engrossamentos com hipoatenuação das valvas após 30 dias, embora os mesmos não tivessem um impacto hemodinâmico a longo prazo. Cabe recordar que ainda não temos

O TAVI continua ganhando terreno em pacientes de baixo risco

O implante percutâneo valvar aórtico (TAVI) se tornou o tratamento padrão para os pacientes com estenose aórtica severa e alto risco cirúrgico e deveria ser considerado como opção para os pacientes com risco intermediário. Nos últimos anos cresceu o número de pacientes de baixo risco tratados como TAVI. Este trabalho analisa os pacientes de baixo

ACC 2019 | PARTNER 3: TAVI en bajo riesgo con menos eventos al año que la cirugía

ACC 2019 | PARTNER 3: TAVI em baixo risco com menos eventos que a cirurgia em seguimento de um ano

Gentileza do Dr. Carlos Fava. O TAVI demonstrou com evidência contundente ser superior ou não inferior à cirurgia nos pacientes de alto risco e nos de risco intermediário. Com efeito, o desenvolvimento de novas tecnologias, a simplificação do procedimento e a maior experiência dos operadores e de sua equipe permitiram que os grupos antes mencionados

Top