Doença coronária articles

IVUS vs OCT para guiar la angioplastia ¿Cuál elegir?

Quão daninha é a aposição? Achados da OCT e eventos

Quão daninha é a aposição? Achados da OCT e eventos

Quase todos os achados pós-angioplastia da tomografia de coerência ótica (OCT) não se associaram com eventos clínicos adversos. As exceções seriam uma área intrastent pequena e uma significativa má aposição.  Os achados subótimos pós-angiografia são muito frequentes (quase a regra), embora suas implicações clínicas sejam incertas. Para dar resposta a essas perguntas foi levado a

ticagrelor_enfermedad_vascular_periférica

Ticagrelor ou prasugrel em pacientes agudos que são submetidos a angioplastia

Continuamos nos fazendo a mesma pergunta uma e outra vez: ticagrelor ou prasugrel? Com escassas margens entre as duas drogas em termos de eficácia e sangramento, custa-nos tomar a decisão sobre qual delas indicar.  Com algumas limitações metodológicas, este trabalho publicado no JAMA parece esclarecer o panorama ao menos para os pacientes que são submetidos

Más stents suman evidencia al esquema corto y nos acercamos al “efecto de clase”

Nova tecnologia em DES que promete se estabelecer como a próxima geração

A nova tecnologia do stent farmacológico Supreme está pensada para sincronizar a eluição da droga antiproliferativa e deixar uma base que permita a cicatrização.  Uma cicatrização endotelial acelerada após a liberação completa da droga antiproliferativa poderia limitar a resposta inflamatória a longo prazo.  Este trabalho multicêntrico e simples-cego randomizou 2:1 1600 pacientes a receber o

Espaço do Fellow | 3° Caso Clínico: Bifurcações verdadeiras: Que estratégia devemos utilizar?

Chega o terceiro caso clínico do Espaço do Fellow para continuarmos discutindo e aprendendo junto a toda a comunidade de Fellows em hemodinâmica da América Latina.  Nesta terceira entrega, apresentamos o caso Bifurcações verdadeiras: que estratégias devemos utilizar? Índice de conteúdos 1- Apresentação do caso 2- Resolução do caso 3- Comentários do especialista Autores do

DKCRUSH-V: El tronco de la coronaria izquierda no es una bifurcación más

Bifurcações: um longo caminho de ida e volta

Quando parecia que o mais simples tinha melhores resultados continuaram os estudos com a técnica de DK Crush. Com efeito, com os resultados do estudo COVIS III em bifurcações, aparentemente começamos a dar marcha ré e voltamos às bases.  O propósito deste trabalho foi comparar os resultados de longo prazo de uma estratégia ultra simples

IVUS vs OCT para guiar la angioplastia ¿Cuál elegir?

IVUS vs. iFR para tomar a decisão no tronco da coronária esquerda

Nenhuma lesão da árvore coronariana tem maior impacto no prognóstico que o tronco da coronária esquerda. Isso faz com que os cardiologistas intervencionistas tendam a exagerar ou subestimar as imagens angiográficas. Em outras palavras, na vida real nunca informamos uma angiografia com lesão moderada do tronco da coronária esquerda.  Essa realidade deve ser objetivada porque

infarto peri-procedimiento

Síndromes coronarianas agudas pós-TAVI: qual é sua frequência e malignidade?

Após o implante percutâneo da valva aórtica (TAVI) as síndromes coronarianas agudas são pouco frequentes e em sua maioria se apresentam como eventos sem elevação do segmento ST. Em tal contexto, os poucos casos que apresentam um infarto com elevação do ST têm um mal prognóstico, com aproximadamente 30% de mortalidade em um mês.  Este

Monto de isquemia basal en pacientes con múltiples vasos y evolución a largo plazo

Uma dor de cabeça para os cardiologistas: isquemia com doença NÃO obstrutiva

O tratamento dos pacientes com isquemia induzível em estudos funcionais e doença coronariana não obstrutiva (INOCA) é complexo e muitas vezes frustrante.  A natureza multifuncional da doença, somada à complexa relação fisiopatológica entre a angina e a isquemia fazem com que este grupo de pacientes seja uma verdadeira dor de cabeça para os cardiologistas.  O

Programa Solidario SOL SOLACI

O programa SOL SOLACI participou das Jornadas Venezuela 2021 com um novo caso solidário

O programa SOLidário SOLACI foi parte das XLII Jornadas Regionais da SOLACI na Venezuela e realizou uma nova intervenção com fins solidários em colaboração com a Sociedade Venezuelana de Cardiologia Intervencionista (SOVECI) e com o Hospital Universitário de Caracas.  Nessa oportunidade, foi tratado um paciente de 60 anos portador de doença coronariana significativa, avaliado por

doble antiagregación plaquetaria

O dilema da DAPT vs. monoterapia também está presente após a cirurgia

Os pacientes que são submetidos a cirurgia de revascularização miocárdica e recebem alta com um esquema de dupla antiagregação plaquetária (DAPT) com aspirina e clopidogrel se beneficiam com uma redução de eventos cardiovasculares e cerebrovasculares maiores em comparação com aqueles que recebem monoterapia de aspirina.  Além disso, aqueles que recebem DAPT não têm que pagar

Top