Farmacologia articles

TCT 2022

TCT 2022 | Inibidor de PCSK9 em pacientes com IAMCEST para reduzir colesterol LDL

TCT 2022 | Inibidor de PCSK9 em pacientes com IAMCEST para reduzir colesterol LDL

Em pacientes com infarto agudo do miocárdio com elevação do segmento ST (IAMCEST), o início precoce do tratamento intensivo com estatinas – apesar dos níveis de colesterol LDL – é uma prática padronizada em todo o mundo. O acréscimo de um potente redutor de LDL como o inibidor PCSK9 demonstrou benefícios clínicos em pacientes com

apixaban en fibrilacion auricular tavi

Uso de apixabana e sua relação com a trombose valvular após o TAVI

O TAVI pode estar associado a trombose valvular precoce, entidade caracterizada por formação de trombo na válvula protética com ou sem disfunção valvular. Dita disfunção está associada a maior espessura e redução da motilidade da válvula, redução da área do orifício ou aumento do gradiente transvalvar. A tomografia computadorizada multicorte engatilhada (TC) permite a avaliação

Nueva y discrepante información sobre los vasos no culpables en el infarto

Pré-tratamento com heparina em tratamento do SCACEST: uma nova velha aliada?

Não há dúvida de que o tratamento da síndrome coronariana aguda com elevação do ST (SCACEST) é a terapia de reperfusão com angioplastia primária (PCI), bem como o pré-tratamento com antiagregantes mais potentes têm o seu lugar como parte da terapia do SCA. Em alguns centros se realiza também pré-tratamento com heparina não fracionada (HNF)

El ticagrelor muestra beneficios en la función microvascular coronaria luego de un IAMSEST

Prognóstico da aderência a inibidores P2Y12 na síndrome coronariana aguda

A não aderência à medicação nos pacientes com síndrome coronariana aguda é ainda uma questão não resolvida, já havendo sido formulado desde o uso de policomprimidos até um acompanhamento mais próximo dos pacientes (contato telefônico e grupos de motivação). Os guias de antiagregação recomendam dupla antiagregação plaquetária (DAPT) por pelo menos um ano após um

ESC 2022

ESC 2022 | PERSPECTIVE: Eficácia e segurança do sacubitril / valsartan em comparação com valsartan na função cognitiva de pacientes com insuficiência cardíaca e função preservada

Um número situado entre 30% e 80% dos pacientes com insuficiência cardíaca (IC) apresentam algum tipo de comprometimento cognitivo, com maior risco de apresentar demência em comparação com a população geral.  Um dos componentes do sacubitril/valsartan inibe a neprilisina, que é uma das enzimas envolvidas na degradação do amiloide β (doença de Alzheimer), motivo pelo

ESC 2022

ESC 2022 | SECURE Trial

Este estudo, apresentado pelo Dr. Valentin Fuster, fez foco na importância da aderência ao tratamento, mostrando incialmente dados do estudo FOCUS, no qual se observou uma escassa aderência dos pacientes após um evento de IAM, e que com a criação de um polimedicamento (aspirina, sinvastatina e ramipril) houve uma melhora em termos aderência da mesma

ESC 2022

ESC 2022 | TIME STUDY

O estudo TIME, apresentado pelo Dr. Thomas MacDonald, é um estudo randomizado de mais de 21.000 pacientes com hipertensão arterial com um seguimento que ultrapassa os 5 anos.  Como é amplamente sabido, a hipertensão arterial é a primeira causa global de morte prematura, sendo responsável por quase 10 milhões de mortes em 2015, dentre as

El ticagrelor muestra beneficios en la función microvascular coronaria luego de un IAMSEST

Monoterapia com Ticagrelor: estratégia válida após os 12 meses?

Estudos recentes sobre antiagregação plaquetária respaldam o uso de terapias abreviadas de dupla antiagregação (DAPT), inclusive em cenários pouco pensados, como as angioplastias complexas.  Ao contrário, em pacientes com elevado risco isquêmico, continua havendo evidência a favor da antiagregação prolongada, principalmente com o estudo DAPT, que evidencia menor risco de eventos isquêmicos maiores com uma

TAVI: la estrategia minimalista es favorable en el EPOC severo

Níveis elevados de lipoproteína (a) estão associados a eventos adversos maiores pós-tratamento periférico endovascular?

A doença arterial periférica é uma manifestação da doença aterosclerótica sistêmica e sua prevalência está em aumento. Além disso, está associada a um alto risco de mortalidade e eventos cardiovasculares.  A lipoproteína (a) (Lp a), que tem um papel pró-aterogênico, pró-inflamatório e antifibrinolítico, demonstrou estar relacionada com eventos cardiovasculares maiores e eventos vasculares periférico após

Top