arquivo articles

IVUS vs OCT para guiar la angioplastia ¿Cuál elegir?

Quão daninha é a aposição? Achados da OCT e eventos

Quão daninha é a aposição? Achados da OCT e eventos

Quase todos os achados pós-angioplastia da tomografia de coerência ótica (OCT) não se associaram com eventos clínicos adversos. As exceções seriam uma área intrastent pequena e uma significativa má aposição.  Os achados subótimos pós-angiografia são muito frequentes (quase a regra), embora suas implicações clínicas sejam incertas. Para dar resposta a essas perguntas foi levado a

Síntomas persistentes post COVID-19: mucho más frecuentes de lo que creíamos

Eficácia da vacina Novavax contra a COVID-19. Tecnologia de nanopartículas à prova

Duas doses da vacina NVX-CoV2373 (Novavax) em adultos sadios proporciona uma eficácia de quase 90% contra a infecção do SARS-CoV-2 para todo o espectro de severidade da doença. Além disso, a vacina mostrou ser efetiva contra a variante alfa (B.1.1.7). A vacina Novavax é uma nanopartícula recombinante que contém a glicoproteína spike completa. Ela já

Recomendaciones de la ACC con el nuevo coronavirus

Anosmia um ano após o diagnóstico de COVID-19

O número de pessoas com síndrome pós-COVID-19 parece aumentar de maneira exponencial, motivo pelo qual é necessário dispor de dados de longo prazo para que os médicos possam aconselhar corretamente os pacientes.   Entre os muitos sintomas que podem ser persistentes, a anosmia pós-COVID-19 tem um excelente prognóstico e uma recuperação praticamente completa em um

indicación de tratamiento con estatinas

Podem as estatinas fazer mais que reduzir o colesterol em pacientes com COVID-19?

Os antecedentes de infarto agudo de miocárdio, insuficiência cardíaca ou hiperlipidemia foram associados com um aumento da mortalidade por COVID-19. Alguns estudos observacionais sugeriram que as estatinas podem reduzir o risco de morrer por COVID-19, além de reduzir o colesterol.  As estatinas têm efeitos anti-inflamatórios e antitrombóticos que poderiam ter um papel no curso da

Programas de ejercicios en la enfermedad vascular periférica

A discrepância entre angina e isquemia se repetem em doença periférica

Três estudos randomizados mostraram que o exercício melhora significativamente o resultado do teste de caminhada dos 6 minutos em pacientes com doença vascular periférica. No entanto, muitos deles não perceberam nenhuma mudança ou inclusive pioraram.  Estes achados sugeriram uma discrepância significativa entre a medição objetiva da caminhada e a mudança subjetiva percebida pelos pacientes.  Quatrocentos

ticagrelor_enfermedad_vascular_periférica

Ticagrelor ou prasugrel em pacientes agudos que são submetidos a angioplastia

Continuamos nos fazendo a mesma pergunta uma e outra vez: ticagrelor ou prasugrel? Com escassas margens entre as duas drogas em termos de eficácia e sangramento, custa-nos tomar a decisão sobre qual delas indicar.  Com algumas limitações metodológicas, este trabalho publicado no JAMA parece esclarecer o panorama ao menos para os pacientes que são submetidos

Más stents suman evidencia al esquema corto y nos acercamos al “efecto de clase”

Nova tecnologia em DES que promete se estabelecer como a próxima geração

A nova tecnologia do stent farmacológico Supreme está pensada para sincronizar a eluição da droga antiproliferativa e deixar uma base que permita a cicatrização.  Uma cicatrização endotelial acelerada após a liberação completa da droga antiproliferativa poderia limitar a resposta inflamatória a longo prazo.  Este trabalho multicêntrico e simples-cego randomizou 2:1 1600 pacientes a receber o

Recomendaciones de la ACC con el nuevo coronavirus

Janssen: Eficácia da única vacina de uma única dose contra a COVID-19

Uma única dose da vacina Ad26.COV2.S (Janssen) protege contra a infecção sintomática e assintomática do SARS-CoV-2. Também foi efetiva para prevenir a COVID-19 severa ou crítica incluindo as hospitalizações e a morte. A segurança foi similar à dos estudos em fase 3 de outras vacinas contra a COVID-19. Os resultados da vacina Janssen são publicados

El tratamiento endovascular parece superior a la cirugía en aneurismas rotos

Intervir ou diferir aneurismas de aorta abdominal na pandemia

Algumas sociedades europeias têm recomendado diferir o tratamento de aneurismas de aorta abdominal infrarrenal (AAA) ≥ 5,5 cm durante a pandemia por COVID-19. No entanto, nas recomendações também são sugeridos os tempos ótimos para diferir e tudo deve se ajustar na balança risco de transmissão/risco de ruptura.  O risco anual de ruptura pode ser estimado

Top