arquivo articles

Cilostazol en pacientes diabéticos con revascularización periférica endovascular: Un paso más allá de la mejoría sintomática

Controle glicêmico e falha em stents coronarianos

Controle glicêmico e falha em stents coronarianos

Os pacientes com diabetes apresentam até o dobro do risco de desenvolver doença coronariana (DC). Além disso, quando a DC está presente, o risco de mortalidade é maior. Em pacientes com antecedentes de angioplastia coronariana (PCI) há uma tendência à necessidade de nova revascularização, inclusive com o uso de stents de segunda geração. São poucos

doble antiagregación plaquetaria

Tratamento antiplaquetário com ticagrelor vs. clopidogrel em pacientes com síndromes coronarianas crônicas

Conseguir uma rápida e máxima inibição da agregação plaquetária pode reduzir as complicações relacionadas com a ATC programada em síndromes coronarianas crônicas (CCS). Nas últimas décadas, o momento ótimo para iniciar a dose adequada das inibições de P2Y12 têm sido objeto de inúmeros estudos, embora dito momento ainda não tenha sido estabelecido com clareza. As

Angioplastia coronariana com balões eluidores de sirolimus

Na atualidade a maioria das angioplastias coronarianas percutâneas (ATC) são realizadas com stents eluidores de fármacos (DES). No entanto, os balões eluidores de fármacos (DEB) têm mostrado benefícios em casos de reestenose e em angioplastias de vasos pequenos com lesões de novo.  O ultrassom intravascular (IVUS) demonstrou sua eficácia nas ATC de tronco da coronária

El Impella otorga seguridad en la ATC del TCI no protegido de alto riesgo

Pacientes com antecedente de cirurgia de revascularização miocárdica e um novo evento de SCA não ST: a estratégia invasiva de rotina traz benefícios?

Múltiplos estudos respaldam o uso de uma abordagem invasiva precoce em pacientes de alto risco com síndrome coronariana aguda sem elevação do ST (SCA não ST). O benefício de uma estratégia invasiva em comparação com a conduta expectante foi demonstrado em estudos randomizados e em metanálises. Os pacientes com antecedentes de cirurgia de revascularização miocárdica

Estenosis aórtica pura vs mixta en TAVI: beneficios y evolución

Estenose aórtica de baixo fluxo: qual é o valor da interpretação da calcificação valvar?

Demoras no tratamento da estenose aórtica (EA) sintomática diminuem o prognóstico, especialmente em pacientes idosos. Uma correta avaliação de severidade da EA é crucial para evitar o tratamento excessivo e seus riscos associados. O ecocardiograma transtorácico (ETT) é a primeira avaliação no algoritmo diagnóstico, e os valores de severidade estão bem estabelecidos. No entanto, alguns

Pronóstico al año en lesiones ateroscleróticas vs las no ateroscleróticas en pacientes con MINOCA

Resultados a longo prazo do índice de resistência da estenose hiperêmica (HSR) em pacientes com angina crônica estável

O índice de resistência da estenose hiperêmica (HSR) foi proposto como um indicador mais completo da gravidade hemodinâmica de uma lesão coronariana. O HSR combina tanto a queda de pressão através de uma lesão como o fluxo através dela, superando assim as limitações dos índices tradicionais como o fluxo fracionado de reserva (FFR) e a

Resultados alentadores de los balones cubiertos de Biolimus para el tratamiento de vasos pequeños

BIONYX: Onyx vs. Orsiro em um seguimento de 5 anos

O Onyx é um stent eluidor de fármacos com zotarolimus (ZES), desenhado com hastes finas e um núcleo de platina que melhora sua visibilidade radiológica. Isso pode ser benéfico em situações complexas com visibilidade limitada, como ocorre em pacientes obesos ou com calcificação severa, qualidades observadas especialmente em diabéticos ou idosos.  O estudo BIONYX foi

Saltearse el desayuno y riesgo cardiovascular

Jejum pré-cateterismo

De forma geral está estabelecido que os procedimentos coronarianos com anestesia local e sedação moderada requerem um jejum mínimo de 6 horas para sólidos e de 2 horas para líquidos (conforme as diretrizes SCAI 2021). No entanto, as complicações com necessidade de intubação orotraqueal de emergência são muito raras.  O jejum prolongado pode ter efeitos

El TAVI presenta menos IAM post procedimiento que la cirugía de reemplazo valvular aórtico

A reserva de resistência microvascular e seu impacto em pacientes com IAMCEST

A disfunção microvascular coronariana (CMD) é cada vez mais reconhecida como uma sequela comum do IAMCEST. Sua presença explica, parcialmente, a persistência de sintomas anginosos em mais de 50% dos pacientes após uma ATC primária, apesar de uma reperfusão bem-sucedida da artéria coronária epicárdica. Além disso, a CMD se associou de forma independente a uma

Top