Tag Archives: doença cardiovascular

AHA 2019 | DAPA-HF: la dapagliflozina efectiva en todos los subgrupos con insuficiencia cardíaca

AHA 2019 | DAPA-HF: a dapagliflozina e sua efetividade em todos os subgrupos com insuficiência cardíaca

AHA 2019 | DAPA-HF: a dapagliflozina e sua efetividade em todos os subgrupos com insuficiência cardíaca

O inibidor do SGLT2, dapagliflozina, teve um impacto consistente para além do nível de glicemia, idade ou estado geral.  A dapagliflozina foi originalmente desenvolvida para o tratamento da diabetes tipo 2. No entanto, teve um impacto positivo em vários tipos de pacientes com insuficiência cardíaca crônica e deterioração da fração de ejeção, incluindo aqueles sem

Lesões coronarianas não obstrutivas e disfunção ventricular

Muitos pacientes chegam à sala de cateterismo para uma coronariografia diagnóstica no contexto de um ecocardiograma que mostra severo deterioro da função ventricular, inclusive estando o paciente ainda assintomático. Muitas vezes as coronárias são normais, mas em muitas outras ocasiões nos deparamos com doenças coronarianas que não justificam a severa disfunção ventricular. É comum que

La reparación de la válvula mitral con Mitraclip es segura en pacientes de alto riesgo

MitraClip “Off Label” com bons resultados

Gentileza do Dr. Carlos Fava. A insuficiência mitral é a doença valvar mais frequente, chegando a atingir mais de 6% dos idosos a partir de 65 anos. Atualmente, a cirurgia é a estratégia de escolha, sendo o tratamento percutâneo uma alternativa válida.   Na atualidade, não se avaliou qual é a evolução a longo prazo

ARTE: ¿AsEl fin de la aspirina para los pacientes anticoagulados que reciben angioplastiapirina o aspirina más clopidogrel post TAVI?

Aspirina, sangramento e eventos cardiovasculares em idosos saudáveis

Os estudos ASCEND e ARRIVE – apresentados no Congresso Europeu de Cardiologia e publicados no The New England Journal of Medicine (NEJM) e respectivamente no The Lancet – colocaram em questionamento a indicação de aspirina no contexto de prevenção primária. Agora foi publicado o ASPREE no NEJM, que parece destronar definitivamente a aspirina, já que

indicación de tratamiento con estatinas

Tratamento com estatinas: o que considerar para indicá-lo?

O uso de imagens não invasivas pode identificar ou descartar ateromatose subclínica e ajudar a reduzir o número de pacientes idosos que são tratados desnecessariamente com estatinas, sem um aumento do risco de eventos cardiovasculares.   A utilização do escore de cálcio e da ecografia carotídea para encontrar os pacientes idosos em ateromatose ajuda a

Top