Tag Archives: múltiplos vasos

ACC 2022

ACC 2022 | estudo COMPLETE

ACC 2022 | estudo COMPLETE

A angioplastia coronariana melhora a qualidade de vida relacionada com a ausência de angina em pacientes com IAM e doença coronariana de múltiplo vaso. O estudo COMPLETE evidenciou que os pacientes com revascularização completa vs. aqueles nos quais se tratou somente o vaso culpado apresentaram menor taxa de morte cardiovascular ou IAM no seguimento de

Gregg Stone Masterclass

07/04 | Masterclass Medtronic-SOLACI com Gregg Stone: Revascularização em pacientes com lesões de múltiplos vasos

Participe da terceira masterclass Medtronic-SOLACI com o Dr. Gregg Stone (EUA) e prestigiosos panelistas latino-americanos.  Na última sessão deste ciclo de 3 masterclass organizadas com a Medtronic, o Dr. Stone dissertará sobre revascularização em pacientes com lesões de múltiplos vasos.  Data: 07 de abril de 2022 às 19h30 (hora Argentina / Brasil; UTC-3) Como sempre,

AHA 2021 | RAPID CABG: seguridad de ir al quirófano precozmente en un síndrome coronario agudo

AHA 2021 | RAPID CABG: segurança de ir à sala de cirurgia precocemente em uma síndrome coronariana aguda

Suspender o ticagrelor alguns dias antes da cirurgia teve um resultado não inferior a esperar 5 ou 6 dias em termos de sangramento em pacientes cursando uma síndrome coronariana aguda (SCA) que requerem cirurgia de revascularização miocárdica. Os pacientes que esperaram mais tempo tiveram mais eventos isquêmicos e uma estadia hospitalar mais prolongada.  As atuais

TCT 2021 | OPTIMUM: Anatomía compleja y no elegibles para cirugía ¿aceptamos el caso?

TCT 2021 | OPTIMUM: Pacientes com anatomia complexa e não elegíveis para cirurgia: aceitamos o caso?

Em pacientes com anatomia coronariana complexa e não elegíveis para cirurgia o risco de morte a curto prazo com angioplastia é consideravelmente mais baixo que o estimado para a cirurgia. Esses resultados surgem do registro OPTIMUM, apresentado durante as sessões científicas do congresso TCT.  Os bons resultados a corto prazo mostram a importância de tentar

TCT 2021 | FAME 3: Sorpresas en un estudio largamente esperado

TCT 2021 | FAME 3: Surpresas em um estudo longamente esperado

A angioplastia não pôde demonstrar a não inferioridade em comparação com a cirurgia para tratar pacientes de três vasos.  Neste trabalho cabaça a cabeça das duas estratégias de revascularização em pacientes com doença coronariana de 3 vasos, a angioplastia guiada por fluxo fracionado de reserva (FFR) não conseguiu alcançar a cirurgia de revascularização miocárdica na

revascularizacion incompleta en cirugia no cardiaca

A melhor revascularização em pacientes com deterioração do ventrículo esquerdo

A doença coronariana de múltiplos vasos associada à deterioração da função ventricular é um desafio em termos de riscos na hora de tomar a decisão sobre que estratégias utilizar para revascularizar. Conforme esta recente análise do registro SCAAR, publicada no European Heart Journal, o seguimento a longo prazo parece justificar o maior risco inicial. Quando

Nuevo dispositivo para medición del FFR permite cruzar la lesión con nuestra guía preferida

FLOWER-MI: FFR vs. angiografia para revascularização completa nos infartos

A avaliação funcional com o fluxo fracionado de reserva (FFR) não foi melhor que a angiografia convencional para guiar a revascularização completa em pacientes com lesão de múltiplos vasos no contexto de um infarto com supradesnivelamento do seguimento ST e angioplastia primária bem-sucedida.  Estes resultados foram publicados no NEJM e apresentados durante o congresso do

La meseta por la que transcurre la cirugía desde hace varios años

Qual teria sido o resultado do estudo FREEDOM com FFR?

O estudo FREEDOM estabeleceu claramente o benefício da cirurgia de revascularização miocárdica por sobre a angioplastia em pacientes diabéticos com lesão de múltiplos vasos. A fisiologia coronariana como guia para a revascularização tem seu máximo potencial justamente no referido grupo de pacientes e nunca se estudou seu impacto nos diabéticos especificamente.  Este trabalho, publicado no

perforación coronaria en angioplastia

Angioplastias complexas: características que se somam para impactar nos resultados

Os pacientes com maior número de características anatômicas que aumentam a complexidade da angioplastia coronariana têm piores resultados no seguimento de um ano.  Estes dados surgem de um grande registro multicêntrico (e-Ultimaster) que foi recentemente publicado no EuroIntervention. Por cada característica de complexidade que se acrescenta observou-se um aumento progressivo de eventos.  É importante não

Doble puente mamario para reducir la chance de nuevas revascularizaciones

Estimação visual para revascularizar as lesões não culpadas

Há evidência acumulada a favor da revascularização completa no contexto de um infarto com supradesnivelamento do ST com múltiplos vasos cuja angioplastia primária foi bem-sucedida.  No entanto, há algumas questões não muito bem esclarecidas em relação aos estudos que defendem a revascularização completa. Por exemplo, todos os vasos devem ser revascularizados no mesmo procedimento, na

Top