Tag Archives: aneurisma de aorta abdominal

Webinar Técnicos y Enfermeros - Nuevas Fronteras en la Sala de Hemodinamia

Veja novamente Novas Fronteiras na Sala de Hemodinâmica

Veja novamente Novas Fronteiras na Sala de Hemodinâmica

Veja novamente nosso Webinar sobre “Novas Fronteiras na Sala de Hemodinâmica” em nossa conta do YouTube.

TAVR via trans-carotidea anestesia local o general

Tipos de anestesia e seu impacto nas endopróteses eletivas

Este trabalho respalda observações prévias sobre o benefício da anestesia regional (ou inclusive local) no que se refere à mortalidade em pacientes submetidos a reparação endovascular eletiva de um aneurisma de aorta abdominal infrarrenal.  Esses benefícios também se traduziram em uma menor estadia hospitalar mas não em menores complicações pulmonares como tinha sido sugerido em

Oportunidades perdidas en pacientes con enfermedad vascular periférica

O que os pacientes estão dispostos a saber sobre sua doença?

Quando dissemos que a mortalidade após 30 dias para reparar um aneurisma de aorta abdominal (AAA) é pelo menos o dobro com a cirurgia convencional quando comparada com o tratamento endovascular, muitos de nós pensamos que a escolha da estratégia é simples e isto está refletido nas últimas estatísticas. Mas, por outro lado, temos alguma

El tratamiento endovascular parece superior a la cirugía en aneurismas rotos

Vigilância após o implante de endoprótese: com que frequência e por quanto tempo?

Sugere-se que a vigilância após a reparação de um aneurisma de aorta abdominal deve ser mantida por toda a vida do paciente devido ao fato de, por um lado, não sabermos com precisão a durabilidade de cada um dos dispositivos (que cada vez proliferam mais) e, por outro, haver a possibilidade de surgimento de complicações

El tratamiento endovascular parece superior a la cirugía en aneurismas rotos

Várias características definem um colo hostil em aneurisma de aorta abdominal mas uma delas faz toda a diferença

Os pacientes com aneurisma de aorta abdominal (AAA) infrarrenal com um colo ≥ 30 mm têm 3 vezes mais risco de regurgitação tipo 1A e 5 vezes mais risco de ruptura do aneurisma no seguimento após o implante de uma endoprótese (EVAR), assim como uma menor sobrevida. Isso poderia alterar a indicação de reparação endovascular

El tratamiento endovascular parece superior a la cirugía en aneurismas rotos

O seguimento com ecografia pós-endoprótese diminui em 90% a necessidade do uso de tomografias, mas é seguro?

Esta análise retrospectiva de 4 anos mostrou que um protocolo de seguimento pós-reparação endovascular baseado em ecografia com contraste é seguro e efetivo. A mortalidade relacionada ao aneurisma, a taxa de reintervenções, a retração do saco e a detecção de endoleaks foram similares às dos protocolos de seguimento baseados em tomografias. Neste trabalho o eco-Doppler

Riesgo de isquemia colónica luego de la reparación de aneurisma de aorta abdominal

Risco de isquemia colônica após a reparação de aneurisma de aorta abdominal

Esta é a maior e mais contemporânea análise que demonstra que em pacientes eletivos a isquemia colônica ocorre mais frequentemente após a reparação aberta de um aneurisma de aorta abdominal (2,1% a 3,6%) que com a reparação endovascular (0,5% a 1%). A maior parte dos casos surgiu dentro dos primeiros sete dias. A evidência é

endoprotesis fenestradas

Significativa associação suprarrenal da endoprótese e deterioro da função renal

Segundo esta metanálise que será proximamente publicada no Eur. J. Vasc. Endovasc. Surg. as endopróteses de aorta abdominal que contam com fixação suprarrenal não alternam significativamente a filtração glomerular no ano do implante do dispositivo, embora tenhamos que reconhecer que os resultados a longo prazo são desconhecidos. A informação da literatura é muito dispersa na

¿Cómo afecta el implante de endoprótesis a la función renal?

Como o implante de endoprótese afeta a função renal?

A ocorrência de insuficiência renal depois de qualquer intervenção endovascular está associada a um aumento da morbidade e da mortalidade. Após uma intervenção coronariana – quer seja angioplastia ou cirurgia – a insuficiência renal multiplica por 20 a mortalidade. Na mesma linha com toda a informação prévia, o reparo cirúrgico de um aneurisma de aorta abdominal que evolui com insuficiência

Un seguimiento mínimo y apropiado reduce la mortalidad luego de una endoprótesis

Um seguimento mínimo e apropriado reduz a mortalidade após uma endoprótese

Nenhum estudo pôde demonstrar um benefício a longo prazo do seguimento regular com imagens após a reparação de um aneurisma de aorta abdominal com endoprótese. Isso é importante, já que o custo dos estudos é elevado e a dito custo é necessário somar a potencial morbidade da radiação e do contraste. Este trabalho tentou caracterizar a associação

Top