Outros articles

Saltearse el desayuno y riesgo cardiovascular

Regressão de placas de alto risco com mudanças do estilo de vida

Regressão de placas de alto risco com mudanças do estilo de vida

Uma intervenção na dieta e no estilo de vida de nossos pacientes somada à terapia médica ótima é capaz de diminuir o ritmo da progressão e reduzir o volume de placas moles em comparação com o tratamento médico unicamente. As mudanças no estilo de vida e na dieta estão entre as estratégias mais importantes para

¿El alcohol es bueno, malo o neutro para la salud cardiovascular?

Existe um consumo de álcool que possa reduzir os AVCs?

Foi reportada uma curva em forma de J para a quantidade de álcool consumida e os AVCs isquêmicos. Em tal sentido, existiria uma determinada proporção que seria benéfica em compensação com a abstinência absoluta e o consumo desmedido.  Visando a esclarecer dito ponto, este trabalho analisou os padrões de consumo sobre os AVCs em uma

Colchicina post infarto: buenos resultados y costo-efectivo

Reduzir a inflamação crônica da aterosclerose com uma velha droga

A inflamação tem um papel crucial na progressão da aterosclerose. Recentemente, o estudo COLCOT mostrou o benefício do uso da colchicina em eventos cardiovasculares. Esta velha e conhecida droga tem seu efeito anti-inflamatório atenuando a cascata mediada pelo NLRP3. Isso explica seu efeito sobre os cristais de ácido úrico na gota, mas o mesmo efeito

Novedades en las guías de prevención primaria de la AHA/ACC

Novidades nas diretrizes de prevenção primária da AHA e do ACC

A grande maioria das doenças cardiovasculares e a mortalidade podem ser rastreadas para trás em 4 hábitos não saudáveis (fumar, dieta pobre, obesidade e sedentarismo) e em 3 fatores de risco maiores (colesterol, hipertensão e diabetes).  A saúde cardiovascular ideal definida pela ausência ou controle desses 7 fatores é muito menos frequente do que pensamos.

Beta Bloqueantes

Efeito pleiotrópico do metoprolol poderia diferenciá-lo de todos os betabloqueadores

As diretrizes da prática clínica recomendam utilizar precocemente betabloqueadores endovenosos nos pacientes cursando um infarto agudo do miocárdio, considerando como fato consumado que todos eles têm um efeito de classe similar.  Este estudo experimental poderia ser a base para provar que o metoprolol tem outros efeitos benéficos que o tornariam superior ao resto da família. 

Gorduras saturadas: anjos ou demônios da dieta?

As diretrizes de alimentação recomendam uma restrição dos ácidos graxos saturados, sem fazer diferenças entre eles, a menos de 10% das calorias diárias para reduzir eventos cardiovasculares.  A realidade é que existe uma grande variedade de ácidos graxos saturados com diferentes efeitos biológicos. Além disso, os efeitos biológicos podem ser modificados pela matriz alimentar e

AHA 2020 | AFFIRM-AHF: Suplemento de hierro y menos hospitalizaciones por insuficiencia cardíaca

AHA 2020 | Efeito do evolocumabe em coronária complexa que requer revascularização

O evolocumabe, um inibidor do PCSK9, mostrou uma significativa redução do risco de desenvolver doença coronariana complexa que requer revascularização (seja angioplastia complexa ou cirurgia de revascularização miocárdica).  Os inibidores da pró-proteína convertase subtilisina/quexina tipo 9 (PCSK9) induzem regressão das placas e poderiam eventualmente reduzir a necessidade de revascularização, especialmente as revascularizações complexas.   O estudo

AHA 2020 | Ácidos grasos omega 3 sin beneficio cardiovascular y con más fibrilación auricular

AHA 2020 | Ácidos graxos ômega 3 sem benefício cardiovascular e com mais fibrilação atrial

Os resultados confirmam a análise interina em que o estudo foi suspenso por futilidade. Os ácidos graxos ômega 3 não reduzem os eventos cardiovasculares em pacientes com triglicerídeos elevados e HDL baixo. Estudos anteriores como o REDUCE-IT mostraram resultados positivos, mas, à luz deste novo trabalho (apresentado no congresso AHA 2020 e publicado simultaneamente no

AHA 2020 | EMPATROPISM: Empagliflozina en no diabéticos con insuficiencia cardíaca

AHA 2020 | EMPATROPISM: Empagliflozina em não diabéticos com insuficiência cardíaca

A Empagliflozina melhora a função cardíaca, a capacidade de exercício físico e a qualidade de vida em pacientes não diabéticos com insuficiência cardíaca e fração de ejeção deteriorada. Estes achados foram apresentados durante as sessões científicas do congresso virtual da AHA 2020 e simultaneamente publicados no JACC. Os resultados deste trabalho denominado EMPATROPISM seguem a

AHA 2020 | As estatinas confirmam seu benefício na população idosa

Os pacientes idosos (> de 70 anos) com altos níveis de colesterol foram sistematicamente excluídos dos estudos randomizados com estatinas, apesar do alto risco de apresentarem eventos cardiovasculares. Apresentado nas sessões científicas do AHA 2020 e simultaneamente publicados no Lancet, surge este trabalho que incluiu pacientes entre 70 e 100 anos de idade para a prevenção

AHA 2020 | AFFIRM-AHF: Suplemento de hierro y menos hospitalizaciones por insuficiencia cardíaca

AHA 2020 | AFFIRM-AHF: Suplementação com ferro e menos hospitalizações por insuficiência cardíaca

Corrigir a deficiência de ferro em pacientes com insuficiência cardíaca pode diminuir o risco de novas internações de acordo com o estudo AFFIRM-AHF publicado na Lancet e apresentado no Congresso AHA 2020.  O desfecho primário combinado entre morte e hospitalizações não foi alcançado, mas sim se conseguiu demonstrar uma redução significativa de 26% nas hospitalizações.

Top