Cardiopatia Isquêmica crónica articles

ESC 2019 | CLARIFY: Los síntomas predicen riesgo solamente en pacientes con infarto previo

ESC 2019 | CLARIFY: os sintomas predizem risco somente em pacientes com infarto prévio

ESC 2019 | CLARIFY: os sintomas predizem risco somente em pacientes com infarto prévio

O seguimento de 5 anos de pacientes com angina crônica estável (ou como agora chamam as diretrizes, “síndromes coronarianas crônicas”) indica que o risco de morte cardiovascular ou infarto não fatal é bastante baixo, mas que, para além disso, o controle dos fatores de risco é ainda muito precário. Esta informação surge do estudo CRARIFY,

ESC 2019 | Pure: el índice de masa corporal no tiene buena correlación con los eventos cardiovasculares

ESC 2019 | Pure: o índice de massa corporal não tem boa correlação com os eventos cardiovasculares

Este estudo populacional concluiu que o risco de mortalidade por qualquer causa diminui com o índice de massa corporal (BMI), mas não necessariamente menos BMI é melhor. De fato, a menor mortalidade nesta análise global foi observada nos pacientes que tinham uma faixa média de BMI. Outras medidas antropométricas como a relação cintura/quadril e a

ESC 2019 | SYNTAXES: os resultados do SYNTAX após 10 anos de seguimento!

O estudo SYNTAXES (SYNTAX Extended Survival) foi apresentado no ESC 2019 com resultados algo inesperados a favor da angioplastia. Por isso, o SYNTAX continua sendo um dos melhores trabalhos com o qual nós, cardiologistas intervencionistas, contamos. O estudo SYNTAX original testou a mortalidade (desfecho primário) da angioplastia comparada com a cirurgia em pacientes com múltiplos

ESC 2019 | Nuevas guías Europeas sobre “síndromes coronarios crónicos”

ESC 2019 | Novas diretrizes Europeias sobre “síndromes coronarianas crônicas”

Foram apresentadas em Paris durante as sessões científicas do ESC 2019 as novas diretrizes para diagnóstico e tratamento do que se definiu como síndromes coronarianas crônicas. Este documento, simultaneamente publicado no Euro Heart J., atualiza as diretrizes de 2013 no que se refere à cardiopatia isquêmica estável e tira a palavra “estável” do vocabulário para

FFR para guiar la revascularización en SCA

FFR para predizer o resultado das pontes: puro benefício em uma população demasiadamente pura?

As pontes coronarianas anastomosadas a um vaso com FFR (fluxo fracionado de reserva) normal ou quase normal têm menor perviedade após um ano em comparação com as pontes anastomosadas a vasos com lesões funcionalmente significativas demonstradas por FFR. No entanto, o recente estudo FARGO (Fractional Flow Reserve Versus Angiography Randomization for Graft Optimization) não mostrou

Balancear el riesgo de sangrado vs trombótico para definir el tiempo de doble antiagregación

A anticoagulação pode afetar a vida útil das pontes coronarianas?

A estratégia de tratamento antiplaquetária que balanceie de forma ótima o risco trombótico e o de sangramento nos pacientes que são submetidos a cirurgia de revascularização miocárdica não está claro. Entretanto, parece certeiro afirmar que alguma anticoagulação é necessária para evitar a trombose precoce, principalmente no que se refere às pontes venosas. Também devemos considerar

La anticoagulación jugando un papel controvertido en el TAVI

Angioplastia e necessidade de anticoagulação: qual a melhor estratégia?

A maioria dos pacientes com fibrilação atrial necessitam anticoagulação oral para diminuir o risco de AVC ou embolia sistêmica. Atualmente, isso se consegue com os novos anticoagulantes orais diretos, os quais apresentam menos risco de sangramento intracraniano que os velhos antagonistas da vitamina K. Por outro lado, entre 5% e 10% dos pacientes que são

Por primera vez se publican guías de prevención primaria ¿Serán útiles en todos los pacientes?

Pela primeira vez são publicadas diretrizes de prevenção primária: seriam úteis para todos os pacientes?

A ACC/AHA recentemente publicaram as diretrizes de prevenção primária para doença cardiovascular. Em um primeiro momento isso foi visto como algo útil para os clínicos que previamente não tinham mais remédio que revisar separadamente consensos de especialistas ou guias da prática clínica para hipertensão, colesterol, diabetes, etc. Agora tudo está consolidado em uma só referência,

Monto de isquemia basal en pacientes con múltiples vasos y evolución a largo plazo

Massa de isquemia basal em pacientes com múltiplos vasos e evolução a longo prazo

Segundo esta recente análise do estudo MASS II que proximamente será publicada no JAMA, a isquemia basal não se associa a eventos após 10 anos em pacientes com angina crônica estável. A massa isquêmica induzida com o exercício não prediz eventos nem a função ventricular a longo prazo. Esse dado deixa suspensos os resultados do

Estenosis aórtica severa asintomática en añosos: ¿cuándo intervenir?

Como evitar o tratamento farmacológico excessivo em idosos

O risco cardiovascular se incrementa dramaticamente com a idade, o que leva, por exemplo, ao tratamento quase universal com estatinas baseando-se no risco para a população idosa. Para evitar o tratamento excessivo nessa população é necessário identificar, por um lado, aqueles indivíduos com fragilidade (pacientes prostrados ou com demência senil), que põem em dúvida a

Top