EuroPCR 2019 | Última metanálise de TAVI: o espectro de tratamento abrange todos os pacientes

Esta nova metanálise combina todos os estudos randomizados de implante percutâneo da valva aórtica (TAVI) vs. substituição cirúrgica da valva aórtica e expande a abrangência do TAVI.

A evidência que existe em todo o espectro de risco estudado respalda uma mudança de paradigma nos pacientes com estenose aórtica severa sintomática.

A superioridade clínica do TAVI vs. cirurgia foi demonstrada em todo o espectro de risco, motivo pelo qual deveríamos reorientar a bússola para decidir entre uma e outra estratégia de tratamento.

Esta metanálise apresentada no EuroPCR e simultaneamente publicada no European Heart Journal combina mais de 8.000 pacientes que foram incluídos até o presente momento em 7 estudos randomizados e controlados, desde os primeiros com pacientes de alto risco ou inoperáveis até os mais recentes, como o PARTNER 3 e o Evolut TAVR em baixo risco.


Leia também: EuroPCR 2019 | Leaflex: novo dispositivo para fraturar o cálcio pré-TAVI.


Para além do risco dos pacientes e da prótese utilizada, o TAVI se associou a uma significativa redução da mortalidade por qualquer causa em comparação com a cirurgia (HR 0,88; IC 95% 0,78 a 0,99). Os AVC também foram menores com o TAVI, o que não pode ser dito em relação às complicações vasculares e aos marca-passos.

Ao analisar somente os pacientes que foram tratados por acesso femoral, a mortalidade se reduz 17% em 2 anos com TAVI (HR 0,83; IC 95% 0,72-0,94).

Os custos hospitalares também se reduzem graças ao menor tempo do procedimento, menor tempo em unidades de terapia intensiva e menor estadia hospitalar, embora os custos possam variar substancialmente conforme o país.

A declaração do EuroPCR conclui que o TAVI deveria ser a partir de agora a estratégia de escolha, sempre incluindo uma equipe multidisciplinar (Heart Team) que cheque a fundo as características clínicas e anatômicas individuais de cada paciente.


Leia também: EuroPCR 2019 | EFFPAC: novos balões eluidores de paclitaxel periféricos, eficácia sem indícios de mortalidade.


Ainda restam algumas incertezas, como a durabilidade, as valvas bicúspides, os pacientes muito jovens, o tratamento da doença coronariana concomitante e o melhor tratamento antitrombótico.

Descargar (PDF, Unknown)

Título original: Transcatheter aortic valve implantation vs. surgical aortic valve replacement for treatment of symptomatic severe aortic stenosis: an updated meta-analysis.

Referência: Siontis GCM et al. Eur Heart J. 2019; Epub ahead of print.


Gostaria de receber um resumo semanal com os últimos artigos científicos?

Sua opinião nos interessa. Pode deixar abaixo seu comentário, reflexão, pergunta ou o que desejar. Será mais que bem-vindo.

*

Top