Mortalidade y dispositivos com paclitaxel, as dúvidas vão se esclarecendo

Há cinco anos inúmeros estudos prospectivos randomizados confirmaram que os balões eluidores de paclitaxel eram seguros e efetivos em território femoropoplíteo. No entanto, recentemente foi publicada uma metanálise com vários trabalhos heterogêneos que incluíram tanto balões quanto stents eluidores de paclitaxel e observou-se que há uma associação entre ditos dispositivos e mortalidade. Além disso, uma maior dose estava associada a maior mortalidade, tanto após 2 quanto após 5 anos.

Efecto a largo plazo de los balones liberadores con bajas dosis de paclitaxel

Esta nova metanálise – que proximamente será publicada no J Am Coll Cardiol – procura determinar se esta associação realmente existe em 1.980 pacientes com um seguimento de até 5 anos.

Os dados de 4 estudos que adjudicaram os eventos de maneira independente e prospectiva com balões farmacológicos incluíram 1.837 pacientes e os restantes pacientes foram 143 controles com balão convencional. Fez-se uma análise exaustiva das características basais dos pacientes, do procedimento e do seguimento a longo prazo para corroborar ou não a associação entre o paclitaxel e a mortalidade. O tempo de sobrevida e os tercis de doses recebidas da droga foram levados em consideração.


Leia tembém: Novos bloqueios do ramo esquerdo pós-TAVI a longo prazo: são neutros ou requerem atenção?


Todos os esforços foram empregados para lançar luz sobre esta associação que preocupa tanto os intervencionistas quanto os pacientes que já receberam estes dispositivos.

Não se observou uma associação significativa entre mortalidade por qualquer causa e angioplastia com balões eluidores de paclitaxel após 5 anos de seguimento (9,3% vs. 11,2%; p = 0,399). Nenhuma morte foi adjudicada por um comitê clínico independente como relacionada com o dispositivo.

Ao dividir os pacientes de acordo com os tercis de doses também foram observadas diferenças entre os que tinham recebido as doses mais altas e as mais baixas de paclitaxel (p = 0,7).

Conclusão

Esta nova metanálise mostra que os balões eluidores de paclitaxel são seguros e não se associam a um aumento da mortalidade, inclusive naqueles pacientes que receberam as doses mais altas.

Título original: Mortality Not Correlated With Paclitaxel Exposure An Independent Patient-Level Meta-Analysis.

Referência: Peter A. Schneider et al. J Am Coll Cardiol 2019; Article in press.


Gostaria de receber um resumo semanal com os últimos artigos científicos?

Sua opinião nos interessa. Pode deixar abaixo seu comentário, reflexão, pergunta ou o que desejar. Será mais que bem-vindo.

*

Top