ACC 2020 virtual | Mais evidência que respalda as exigentes diretrizes de hipertensão de 2017

Já transcorreu algum tempo após a publicação do duro e exigente documento de 2017 escrito em conjunto pela ACC e AHA no qual os valores de corte de hipertensão foram levados a limites que causaram muita controvérsia, tanto nos Estados Unidos como em toda a Europa. De fato, as diretrizes da ESC publicadas uns meses depois foram um pouco mais flexíveis. 

Apesar desse documento, a mortalidade cardiovascular relacionada com a hipertensão continuou em aumento nos Estados Unidos em todos os subgrupos etários e em todas as regiões. 

Os resultados da presente análise vão na mesma linha que outros estudos observacionais prévios. A diminuição da mortalidade cardiovascular perdeu impulso e as mortes por insuficiência cardíaca começaram a aumentar. 

Os dados que deviam ser apresentados pelo Dr. Nambiar no suspenso congresso da ACC e simultaneamente publicados no JACC mostram que a mortalidade por hipertensão ajustada por idade por dada 100 000 pessoas subiu de 18,3 em 2007 para 23 em 2017 (p < 0,001 para esta tendência). 


Leia também: ACC 2020 Virtual | Isquemia miocárdica induzida por brusco aumento do estresse emocional.


Durante o mesmo período as mortes cardiovasculares relacionadas com a hipertensão aumentaram 72% nas áreas rurais dos Estados Unidos vs. 20% nas zonas urbanas (p < 0,001 para esta tendência). 

A mortalidade aumentou em todos os grupos etários, mas com o maior impacto naqueles compreendidos entre 65 a 74 anos. Também para ambos os gêneros, porém com uma tendência mais acentuada em homens. 


Leia também: ACC 2020 Virtual | Placas “perigosas” por tomografia são, efetivamente, preditoras de infartos.


As razões para este aumento da mortalidade durante o período estudado são múltiplas, mas claramente a epidemia de diabetes e a hipertensão tiveram um peso significativo. 

Ajustarmo-nos às diretrizes de 2017 parece ser fundamental.

Título original: Decade long temporal trends in U.S. hypertension related cardiovascular mortality.

Referência: Nambiar L et al. J Am Coll Cardiol. 2020; Epub ahead of print.


Gostaria de receber um resumo semanal com os últimos artigos científicos?

Sua opinião nos interessa. Pode deixar abaixo seu comentário, reflexão, pergunta ou o que desejar. Será mais que bem-vindo.

*

Top