Artículos Científicos COVID-19 articles

Eficácia do Remdesivir contra a COVID-19

Eficácia do Remdesivir contra a COVID-19

Este é um relatório final publicado no NEJM sobre a eficácia do Remdesivir para tratar a infecção por COVID-19. Comparado com placebo a droga foi superior, embora em desfechos “moles” que não parecem modificar o curso da pandemia.  Múltiplas drogas inicialmente esperançadoras não puderam demonstrar eficácia contra o novo vírus. O exemplo da hidroxicloroquina é

Historia natural de la infección asintomática por COVID-19

História natural da infecção assintomática por COVID-19

Ainda temos pouca informação sobre a história natural da infecção assintomática pelo novo coronavírus (COVID-19). Estamos apenas começando a entender o que ocorre com os doentes mais graves. O surto de COVID-19 no cruzeiro Diamond Princess nos deu uma oportunidade única para estudar os contatos e os que se contagiaram de maneira assintomática em uma

Historia natural de la infección asintomática por COVID-19

COVID-19 e seus efeitos cardiovasculares a longo prazo

Muitos lugares do mundo ainda não experimentaram o pior da pandemia. Enquanto isso, em outros lugares, volta a recrudescer o número de casos. Nesse contexto, começamos a vislumbrar o efeito a longo prazo da COVID-19. Para muitos essa não é uma preocupação de hoje, mas sem dúvida será um problema no futuro.  É crucial reconhecermos

Historia natural de la infección asintomática por COVID-19

Informação da LATAM sobre o impacto da pandemia com foco nos infartos

Nestes últimos tempos têm sido publicados dados de diferentes lugares do mundo (China, Europa, EUA) sobre o impacto da pandemia na cardiologia intervencionista em geral e sobre os infartos em particular.  A novidade deste trabalho radica no fato de estarmos diante de dados da América Latina publicados em uma revista internacional.  Poucas vezes tivemos a

Historia natural de la infección asintomática por COVID-19

Injuria miocárdica por COVID-19 inclusive em jovens e com sintomas leves

A maioria dos pacientes jovens que não requereram hospitalização pela infecção por SARS-CoV-2 mostraram ressonâncias anormais independentemente dos meses do diagnóstico. A injuria miocárdica estava objetivada nos pacientes com um curso mais grave da infecção, mas não em uma população saudável que transcorreu a doença em seu domicílio. Este aumento da evidência sobre a capacidade

Infartos, AVC e síndromes aórticas: todas as emergências à sombra da pandemia

A pandemia ocasionada pelo novo coronavírus levou a uma diminuição das consultas hospitalares relacionadas às doenças cardiológicas e neurológicas mais urgentes, como infartos, AVC ou dissecções aórticas. Estas emergências são tratadas em centros de alta complexidade, motivo pelo qual é relativamente fácil analisar a quantidade de traslados antes e durante a pandemia.  Há algum tempo

Coronavirus y corazón ¿Cómo deben prepararse los cardiólogos?

Rápida diminuição dos anticorpos nos doentes com manifestação leve de COVID-19

Uma rápida diminuição na titulação de anticorpos anti-SARS-CoV-2 em doentes leves faz soar os alarmes sobre a proteção destes contra o novo vírus.  Dita diminuição, observada dentro dos 90 dias da doença, provavelmente se desacelere com o passar do tempo. Contudo, convida a sermos prudentes perante a sensação de “proteção” dos pacientes recuperados, do efeito

Recomendaciones de la ACC con el nuevo coronavirus

Quando e como a dexametasona poderia ser útil na infecção por Covid-19?

Surgiram mais detalhes do braço de pacientes com COVID-19 que receberam dexametasona incluídos no estudo RECOVERY.  Estes dados publicados de maneira preliminar no NEJM sugerem que a dexametasona poderia diminuir a mortalidade quando os efeitos da infecção estão dados fundamentalmente por mecanismos imunopatológicos em pacientes que requerem ventilação mecânica ou ao menos oxigênio suplementar.  Por

Trombólisis local en tromboembolismo pulmonar

TEP em COVID-19: fatores de risco diferentes dos clássicos?

Os fatores de risco para tromboembolismo pulmonar (TEP) em pacientes com COVID-19 são diferentes dos fatores clássicos que conhecemos.  Um estudo francês recentemente publicado no Eur Heart J. mostrou os novos fatores de riscos, embora também tenha mostrado que a anticoagulação reduz o risco de TEP, do mesma maneira que ocorre com os pacientes com

Coronavirus y corazón ¿Cómo deben prepararse los cardiólogos?

Vasculite, trombose e angiogênese: padrões únicos que diferenciam a Covid-19

Nesta pequena – mas nem por isso menos interessante – série, observa-se que a angiogênese poderia distinguir a fisiopatologia pulmonar da Covid-19 de outras infecções virais que podem afetar o pulmão com uma severidade similar (por exemplo a influenza)  Ao tratar-se de uma série muito pequena é difícil concluir a universalidade de tais observações e

Historia natural de la infección asintomática por COVID-19

Posição da Sociedade Europeia de Intervencionismo durante a pandemia

Este documento é o resultado da fusão de pareceres da Sociedade Europeia de Intervenções Cardiovasculares Percutâneas (European Association of Percutaneous Cardiovascular Interventions, EAPCI) e da Sociedade de Cuidados Cardiovasculares Agudos (Acute Cardiovascular Care Association, ACVC).  Ambas as sociedades reuniram os seus maiores especialistas, incluindo aqueles que trabalharam nas áreas afetadas da Europa pela Covid-19. O

Top