Tag Archives: angioplastia coronariana

Highlights TCT 2019

TCT 2019 | IVUS-XPL: 5 anos de seguimento para a angioplastia guiada por angiografia vs. IVUS

TCT 2019 | IVUS-XPL: 5 anos de seguimento para a angioplastia guiada por angiografia vs. IVUS

Gentileza da SBHCI. O objetivo deste trabalho apresentado nas sessões científicas do TCT 2019 e simultaneamente publicado no JACC Intv. foi demonstrar o benefício do IVUS na angioplastia. O estudo IVUS-XPL randomizou 1.400 pacientes com lesões coronarianas longas (≥ 28 mm) a angioplastia guiada por IVUS (n = 700) vs. guiada por angiografia (n =

Highlights TCT 2019

TCT 2019 | AUGUSTUS ACS: Apixabana vs. Varfarina e Aspirina vs. Placebo em FA e SCA

Gentileza da SBHCI. A segurança e eficácia dos tratamentos antitrombóticos e antiplaquetários nos pacientes com fibrilação atrial que estão cursando uma síndrome coronariana aguda (e recebendo tratamento médico ou angioplastia) pode ser diferente do que ocorre com aqueles pacientes que são tratados de maneira eletiva. Os pacientes foram randomizados depois de 14 dias de terem

Los balones farmacológicos pasaron la prueba del tiempo en territorio femoropoplíteo

Balões farmacológicos vs. stents farmacológicos em angioplastia primária

Tal vez a teoria de não deixar nada para trás possa se concretizar, ao menos no contexto da angioplastia primária. O estudo REVELATION, que será publicado nos próximos dias no J Am Coll Cardiol Intv mostrou que os balões eluidores de paclitaxel foram não inferiores aos stents farmacológicos (DES) em termos do valor de FFR

ESC 2019 | CLARIFY: Los síntomas predicen riesgo solamente en pacientes con infarto previo

ESC 2019 | CLARIFY: os sintomas predizem risco somente em pacientes com infarto prévio

O seguimento de 5 anos de pacientes com angina crônica estável (ou como agora chamam as diretrizes, “síndromes coronarianas crônicas”) indica que o risco de morte cardiovascular ou infarto não fatal é bastante baixo, mas que, para além disso, o controle dos fatores de risco é ainda muito precário. Esta informação surge do estudo CRARIFY,

synergy vs XIENCE

Vantagens teóricas mas traduzidas em piores resultados clínicos: Synergy vs. Xience

Dados recentes de um registro do “mundo real” que serão proximamente publicados no J Am Coll Cardiol Intv sugerem que o stent Synergy (stent com struts finos, eluidor de everolimus e polímero biodegradável) se associaria a um maior risco de trombose aguda em comparação com o clássico Xience (com struts mais grossos, eluidor de everolimus

ESC 2019 | AFIRE: monoterapia de rivaroxabán en fibrilación auricular y enfermedad coronaria estable

ESC 2019 | AFIRE: monoterapia de rivaroxabana na fibrilação atrial e doença coronariana estável

Em pacientes com fibrilação atrial e doença coronariana estável que não foram submetidos a procedimentos de revascularização no último ano, a monoterapia com rivaroxabana é aparentemente a melhor estratégia de tratamento em comparação com o rivaroxabana mais antiagregação plaquetária. Essa é a conclusão do estudo AFIRE, apresentado durante as sessões científicas do ESC 2019 de

ESC 2019 | SYNTAXES: os resultados do SYNTAX após 10 anos de seguimento!

O estudo SYNTAXES (SYNTAX Extended Survival) foi apresentado no ESC 2019 com resultados algo inesperados a favor da angioplastia. Por isso, o SYNTAX continua sendo um dos melhores trabalhos com o qual nós, cardiologistas intervencionistas, contamos. O estudo SYNTAX original testou a mortalidade (desfecho primário) da angioplastia comparada com a cirurgia em pacientes com múltiplos

ESC 2019 | THEMIS: ticagrelor em diabéticos com doença coronariana estável

O uso de ticagrelor em pacientes com doença coronariana estável e diabetes reduz significativamente a taxa de eventos cardiovasculares maiores quando comparado à aspirina, segundo este trabalho apresentado no domingo no ESC 2019 e simultaneamente publicado no NEJM, embora o custo em termos de sangramento pareça inaceitável. A taxa do desfecho primário (combinação de morte

EuroPCR 2019 | Global Leaders: La monoterapia con ticagrelor a largo plazo podría tener un lugar en angioplastias complejas.

EuroPCR 2019 | Global Leaders: a monoterapia com ticagrelor a longo prazo poderia ter seu lugar em angioplastias complexas

Esta análise post hoc do que foi um ensaio com resultado negativo só deve ser considerada como geradora de hipóteses. Os pacientes submetidos a uma angioplastia complexa tratados com ticagrelor como monoterapia após um mês de dupla antiagregação mostraram melhores resultados após 2 anos quando foram comparados com os que receberam um esquema convencional de

Salir del quirófano luego de los bypass y requerir angioplastia ¿Qué tan malo puede ser?

Sair da sala de cirurgia após a revascularização miocárdica e requerer angioplastia: quão ruim pode ser isso?

A angioplastia intra-hospitalar após uma cirurgia de revascularização miocárdica é realmente pouco frequente, mas incrementa de maneira muito significativa a morbidade, a mortalidade e os custos hospitalares. Ainda não temos clareza sobre que preditores poderiam ser modificados para evitar estas coronariografias e angioplastias muito precoces em pacientes que, em geral, já saem da sala de

Top