Tag Archives: angioplastia coronariana

ARTE: ¿AsEl fin de la aspirina para los pacientes anticoagulados que reciben angioplastiapirina o aspirina más clopidogrel post TAVI?

HOST-EXAM: O estudo que desafia a aspirina como antiagregante a longo prazo

HOST-EXAM: O estudo que desafia a aspirina como antiagregante a longo prazo

O estudo HOST-EXAM (prospectivo, randomizado e aberto, realizado em 37 centros de Coreia) foi especificamente desenhado para estabelecer o papel da aspirina como antiplaquetário de escolha a longo prazo após uma angioplastia com DES atuais. Para isso, o trabalho comparou cabeça a cabeça a aspirina com o clopidogrel.  Em quatro anos foram incluídos 5438 pacientes

El acceso radial se asocia a menor mortalidad y menor sangrado en los pacientes cursando un infarto con supradesnivel del segmento ST que reciben angioplastia primaria.

Grandes diferenças entre angioplastia em doença focal vs. difusa

A angioplastia alcança reduções do volume isquêmico muito mais significativas quando a doença é focal do que quando é difusa. No entanto, não se observaram diferenças nos sintomas entre os tipos de manifestação de doença coronariana. Fazer um pullback com o guia de pressão pode diferenciar a doença coronariana focal da doença difusa, embora a

DKCRUSH-V: El tronco de la coronaria izquierda no es una bifurcación más

Bifurcações: um longo caminho de ida e volta

Quando parecia que o mais simples tinha melhores resultados continuaram os estudos com a técnica de DK Crush. Com efeito, com os resultados do estudo COVIS III em bifurcações, aparentemente começamos a dar marcha ré e voltamos às bases.  O propósito deste trabalho foi comparar os resultados de longo prazo de uma estratégia ultra simples

EuroPCR 2021 | Un nuevo meta-análisis desafía al ISCHEMIA

EuroPCR 2021 | Uma nova metanálise desafia o ISCHEMIA

Este trabalho sugere que os pacientes com doença coronariana estável que recebem revascularização coronariana eletiva se beneficiam em termos de mortalidade cardíaca a longo prazo comparando-se com os pacientes que só recebem tratamento médico. Esses achados foram apresentados no EuroPCR 2021 e simultaneamente publicados no European Heart Journal, desafiando os resultados do estudo ISCHEMIA. Segundo

AHA 2020 | AFFIRM-AHF: Suplemento de hierro y menos hospitalizaciones por insuficiencia cardíaca

AHA 2020 | Efeito do evolocumabe em coronária complexa que requer revascularização

O evolocumabe, um inibidor do PCSK9, mostrou uma significativa redução do risco de desenvolver doença coronariana complexa que requer revascularização (seja angioplastia complexa ou cirurgia de revascularização miocárdica).  Os inibidores da pró-proteína convertase subtilisina/quexina tipo 9 (PCSK9) induzem regressão das placas e poderiam eventualmente reduzir a necessidade de revascularização, especialmente as revascularizações complexas.   O estudo

AHA 2020 | El riesgo aumenta cuando los operadores no “escuchan” al FFR

AHA 2020 | O risco aumenta quando os operadores não “escutam” o FFR

Quando a decisão de avançar com uma angioplastia é tomada apesar do resultado negativo do FFR (algo frequente na prática clínica diária) os resultados em 5 anos são muito piores. Esta informação surge de um grande registro canadense que foi apresentado nas sessões científicas da AHA 2020 e simultaneamente publicado no JAMA. Realizar uma angioplastia

Aspirina o clopidogrel post TAVI: Guías y estudios llenos de contradicciones

Angioplastia em pacientes estáveis sem aspirina e com prasugrel: a inovação avançada

Os inibidores potentes do receptor P2Y12 como o prasugrel e o ticagrelor foram testados principalmente no contexto de síndromes coronarianas agudas. Há pouca evidência em pacientes estáveis, especialmente para o prasugrel. Desenhar um estudo com este propósito já parecia bastante desafiante, mas o fato de tirar a aspirina do esquema de dupla antiagregação em pacientes

TCT 2020 | Nueva información sobre el valor del FFR antes y después de la angioplastia

TCT 2020 | Menos sintomas e eventos ao otimizar com iFR

Os pacientes sintomáticos submetidos a angioplastia nos quais se constata a ausência de isquemia residual com iFR apresentam, em um ano, uma melhora sintomática superior àqueles em que não se realizou a otimização.  Para além dos sintomas, os pacientes que recebem otimização com iFR (medição final ≥ 0,95) apresentam menor mortalidade cardíaca, infarto espontâneo ou

perforación coronaria en angioplastia

Angioplastias complexas: características que se somam para impactar nos resultados

Os pacientes com maior número de características anatômicas que aumentam a complexidade da angioplastia coronariana têm piores resultados no seguimento de um ano.  Estes dados surgem de um grande registro multicêntrico (e-Ultimaster) que foi recentemente publicado no EuroIntervention. Por cada característica de complexidade que se acrescenta observou-se um aumento progressivo de eventos.  É importante não

ESC 2020 | A longo prazo os diabéticos se beneficiam com a cirurgia

Os dados deste registro do “mundo real” confirmam que a longo prazo os pacientes diabéticos com doença coronariana de múltiplos vasos se beneficiam com a cirurgia de revascularização miocárdica.  Segundo o Dr. Douglas S. Lee, autor principal do trabalho, a evidência é bastante contundente para recomendar cirurgia como primeira opção neste subgrupo particular de pacientes,

Top