Tag Archives: tronco da coronária esquerda

La cirugía parece superior a la angioplastia en pacientes jóvenes

As novas revascularizações não são benignas, ao menos no tronco

As novas revascularizações não são benignas, ao menos no tronco

Após o “escândalo do EXCEL”, ocorrido no final do ano passado, os pesquisadores de dito trabalho se dedicaram a publicar explicações e subestudos do trabalho principal que, embora estivessem planejados desde o princípio, podem continuar sendo interpretados como explicações.  Este subestudo nos revela que as revascularizações foram mais frequentes no ramo angioplastia, mas somente aquelas

Pouco dias após o “escândalo” do EXCEL é publicado o NOBLE com seguimento de 5 anos: pura coincidência?

As coincidências não existem, pelo menos para a medicina baseada em evidência. Isso é o que parecem dizer os resultados do estudo NOBLE (com seguimento de 5 anos) que serão publicados nos próximos dias no Lancet e que vão na mesma linha do escândalo gerado pela reportagem da BBC com o estudo EXCEL.  O estudo

Escándalo con los resultados del EXCEL que hicieron “caer” las últimas guías

Resposta dos autores do EXCEL à reportagem da BBC

Devido a uma reportagem da BBC que motivou a retirada do apoio da EACTS das últimas diretrizes de revascularização coronariana, os autores do estudo EXCEL (assinalado por dita reportagem) fizeram a seguinte declaração. -Escolha da definição de infarto periprocedimento:  Todos os pesquisadores envolvidos (inclusive os cirurgiões) estiveram de acordo com o fato de a definição

Escándalo con los resultados del EXCEL que hicieron “caer” las últimas guías

Escândalo com os resultados do EXCEL que fizeram “cair” as últimas diretrizes

A EACTS (European Association for Cardio-Thoracic Surgery) formalmente retirou seu apoio das últimas diretrizes de revascularização coronariana depois de uma reportagem da BBC sugerir que os dados do estudo EXCEL poderiam ter sido manipulados.  As diretrizes de 2018 foram escritas em conjunto com a ESC (European Society of Cardiology) e basearam-se fundamentalmente no estudo EXCEL

La era del stent provisional para las bifurcaciones parece llegar a su fin

A era do stent provisional para as bifurcações parece chegar ao fim

Depois de grandes estudos que marcaram a época do stent provisional como estratégia de preferência nas bifurcações, chega a técnica de duplo kissing e crush (DK crush) para promover uma nova disrupção. Desta vez, a técnica DK crush é testada vs. o stent provisional no tronco da coronária esquerda e com um seguimento de 3

Highlights TCT 2019

TCT 2019 | IDEAL-LM: DES com polímero absorvível vs. permanente para o tronco da coronária esquerda

Gentileza da SBHCI. Este trabalho demonstrou que a estratégia de utilizar um stent eluidor de everolimus com polímero degradável (Synergy) com posterior esquema de dupla antiagregação plaquetária de 4 meses foi segura e efetiva em comparação com a utilização de um stent eluidor de everolimus com polímero permanente (Xience) com os convencionais 12 meses posteriores

DKCRUSH-V: El tronco de la coronaria izquierda no es una bifurcación más

O DK CRUSH continua sendo a melhor opção

Gentileza do Dr. Carlos Fava. Na lesão severa da bifurcação do tronco da coronária esquerda (TCE) não protegido a cirurgia continua sendo o tratamento de escolha, mas a angioplastia transluminal coronariana (ATC) tem avançado de forma vigorosa. Isso se deve ao fato de haver um número crescente de pacientes que não podem ser submetidos à

ESC 2019 | SYNTAXES: os resultados do SYNTAX após 10 anos de seguimento!

O estudo SYNTAXES (SYNTAX Extended Survival) foi apresentado no ESC 2019 com resultados algo inesperados a favor da angioplastia. Por isso, o SYNTAX continua sendo um dos melhores trabalhos com o qual nós, cardiologistas intervencionistas, contamos. O estudo SYNTAX original testou a mortalidade (desfecho primário) da angioplastia comparada com a cirurgia em pacientes com múltiplos

Score de Calcio, “dónde está” parece más importante que “cuánto hay”

Escore de Cálcio, “onde está” parece ser mais importante que “quanto há”

A presença de uma significativa quantidade de cálcio no tronco da coronária esquerda se associa de maneira independente com 20% a 30% mais de risco de morte cardiovascular e por qualquer causa em adultos assintomáticos. Isso coloca em foco o fato de não ser importante somente quanto cálcio há mas também onde o mesmo se

Infartos periprocedimiento em angioplastia vs. em cirurgia do tronco da coronária esquerda

Segundo o estudo EXCEL os infartos periprocedimento foram mais comuns após a cirurgia do tronco da coronária esquerda em comparação com a angioplastia, o que se associou de maneira contundente com um aumento da mortalidade após 3 anos depois do controle de todos os possíveis elementos de confusão. Este aumento da mortalidade foi observado somente

Top