DOENÇA CORONARIANA articles

dia-3-imagenes-consistent-compressor

Consistent CTO study: recanalização com as técnicas atuais e stent SYNERGY

Consistent CTO study: recanalização com as técnicas atuais e stent SYNERGY

Este trabalho observacional incluiu 231 pacientes de 6 centros com oclusões totais crônicas utilizando as técnicas disponíveis na atualidade e alcançando o sucesso da recanalização em 90% dos casos (210 pacientes). Em todos estes pacientes em que a recanalização foi bem-sucedida foi utilizado o stent SYNERGY e na maior parte dos casos IVUS (90,5%). Somente

DES de 2° vs 3° generación en bifurcaciones: nada nuevo bajo el sol

DES de 2ª vs. 3ª geração em bifurcações: nada novo sob o sol

O objetivo deste trabalho foi avaliar os resultados das lesões de bifurcação tipo Medina 1, 1, 1 que foram tratadas com técnica de Cullote utilizando DES de última geração. O dispositivo de 2ª geração utilizado foi um dos que possui mais evidência: o stent eluidor de everolimus com polímero permanente Xience. No entanto, para o

SEMPER-FI: el resurgimiento del balón de contrapulsación

SEMPER-FI: o ressurgimento do balão de contrapulsação

O efeito do balão de contrapulsação consiste na combinação de uma melhora do fluxo coronariano e uma redução da pós-carga. Existem vários estudos que não conseguiram demonstrar seu benefício como suporte mecânico. Este trabalho tenta demonstrar o benefício do balão de contrapulsação em pacientes com infarto agudo de miocárdio com supradesnivelamento do segmento ST que

OxAMI-PICSO: oclusión del seno coronario: mejorar la función microvascular y reducir el tamaño del infarto

OxAMI-PICSO: oclusão do seio coronariano: melhorar a função microvascular e reduzir o tamanho do infarto

O índice de resistência da microcirculação poderia guiar a terapia e oclusões intermitentes e controladas do seio coronariano, melhorar a função microvascular e reduzir o tamanho do infarto. Foram incluídos pacientes com infarto com supradesnivelamento do segmento ST anterior tratados com angioplastia primária. Mediu-se o índice de resistência da microcirculação previamente ao implante do stent

Registro Sueco con stent SYNERGY: por primera vez stent probado en angioplastia primaria

Registro Sueco com stent SYNERGY: pela primeira vez stent testado em angioplastia primária

Foram incluídos 36.292 pacientes consecutivos com infarto agudo de miocárdio que receberam angioplastia com o stent de nova geração SYNERGY (hastes finas, polímero bioabsorvível e eluidor de everolimus), dos quais 39,7% apresentavam supradesnivelamento do segmento ST. As curvas de Kaplan-Meier em 2 anos nos pacientes que receberam o stent SYNERGY vs. aqueles que receberam outros

LeDRA: Acceso radial izquierdo “distal” para angiografía y angioplastia

LeDRA: Acesso radial esquerdo “distal” para angiografia e angioplastia

Recentemente, a artéria radial esquerda distal foi proposta como uma alternativa em pacientes selecionados com uma alta taxa de sucesso e baixa taxa de complicações. Este trabalho avaliou a viabilidade e segurança desta punção tanto para angiografia quanto para angioplastia coronariana. Foram incluídos 200 pacientes consecutivos com artéria radial esquerda palpável puncionada por 3 operadores

TRANSIENT trial: ¿Cuál es el mejor momento para revascularizar un SCA con elevación transitoria del ST?

EuroPCR 2018 | TRANSIENT trial: Qual é o melhor momento para revascularizar uma SCA com elevação transitória do ST?

Este trabalho teve o objetivo de determinar o melhor momento para revascularizar um paciente admitido com síndrome coronariana aguda (SCA) com supradesnivelamento TRANSITÓRIO do ST. Esta população corresponde a 15% daqueles pacientes admitidos com supradesnivelamento do ST. A dúvida está entre intervir precocemente para reduzir a área do infarto (ou um eventual reinfarto) ou adiar

EuroPCR 2018 | SYNTAX II: resultados a 2 años de la mejor angioplastia vs cirugía en múltiples vasos

EuroPCR 2018 | SYNTAX II: resultados de 2 anos da melhor angioplastia vs. cirurgia em múltiplos vasos

Desde a publicação do SYNTAX original houve grandes avanços técnicos que influenciaram os resultados da angioplastia: Novas ferramentas para a estratificação do risco com o escore SYNTAX II que incorpora variáveis clínicas e anatômicas para orientar a decisão da equipe. Revascularização funcional (uso híbrido de iFR ou FFR). Otimização no implante do stent por IVUS.

EuroPCR 2018 | Compare-Acute: FFR o angioplastia primaria en el seguimiento a 2 años de la revascularización completa

EuroPCR 2018 | Compare-Acute: FFR ou angioplastia primária no seguimento de 2 anos da revascularização completa

Estudos recentes em pacientes com um infarto agudo do miocárdio mostraram que una estratégia de revascularização completa na fase aguda ou subaguda, seja guiada por angiografia (PRAMI, CvLPRIT), seja com FFR (PRIMULTI, COMPARE-ACUTE), melhora o desfecho combinado de MACE vs. tratar apenas a artéria responsável pelo infarto. Com base nestes resultados, as novas diretrizes de

BIO-RESORT: polímeros vs polímeros bioabsorbibles ¿Llegamos a una meseta con los DES?

EuroPCR 2018 | BIO-RESORT: polímeros vs. polímeros bioabsorvíveis . Chegamos a uma planície com os DES?

Este estudo randomizou 3.514 pacientes para receber o stent eluidor de everolimus de hastes finas e polímero biodegradável (SYNERGY) vs. o stent eluidor de sirolimus (ORSIRO) vs. o stent eluidor de zotarolimus com polímero permanente (RESOLUTE INTEGRITY). O desfecho combinado, que foi a taxa de falha do vaso alvo, foi similar entre os três dispositivos

EuroPCR 2018 | DESSOLV III: polímero bioabsorbible vs durable a 2 años

EuroPCR 2018 | DESSOLV III: polímero bioabsorvível vs. durável a 2 anos

O polímero recobre a maioria dos stents farmacológicos e serve para conter a droga antiproliferativa. Uma vez liberada a droga, o polímero continua ali e já foi associado a inflamação, reestenose e neoaterosclerose. O dispositivo MiStent possui um polímero bioabsorvível uma vez que a droga é liberada e poderia, teoricamente, reduzir a resposta inflamatória do

Top